Certificado en Terapia Manual Espinal por conceitos manuais (CSMT)

1. Gama lateral da variabilidade do movimento em variantes das seqüências de teste neurodinâmicas medianas e radiais em pessoas assintomáticas.
2. Stalioraitis v, Robinson K, Hall T.Man. 2014 Ago; 19 (4): 338-42. Doi: 10.1016 / j.math.2014.03.005. EPub 2014 Mar 20.Pmid: 24703935
3. Dor do tronco do nervo: diagnóstico físico e tratamento.Hall TM, Elvey Rl.Man. 1999 Maio; 4 (2): 63-73. Review.pmid: 10509060
4. Um ensaio clínico randomizado da terapia manual para a síndrome da dor cervico-braquial – um estudo piloto.Lison GT, Nagy BM, Hall T / 5. Homem. 2002 maio; 7 (2): 95-102.PMID: 12151246
6. O teste de rotação de flexão e a mobilidade ativa do cervical – um estudo comparativo de medição em cefaloráceo cervicogênico.Hall T, Robinson K.
7. Homem. 2004 nov; 9 (4): 197-202.PMID: 15522644
8. Mulligan Bent Leg Levantando técnica – uma tentativa aleatória preliminar de efeitos imediatos após uma única intervenção.Hall T, Hardt S, Schäfer
A, Wallin L.
9. Homem. 2006 maio; 11 (2): 130-5. EPUB 2005 Jul 11.PMID: 16011907
10. O papel da fita fibular na prevenção da lesão do tornozelo no basquete: um estudo piloto.moiler K, Hall T, Robinson KJ Orthep Sports Phys.
2006 Sep; 36 (9): 661-8.pmid: 17017271
11. A validade diagnóstica do teste de rotação de flexão cervical em cárteres cervicogênicas relacionadas a C1 / 2. Homem. 2007 Ago; 12 (3): 256-62. EPUB 2006 16 de novembro: 17112768
13. Eficácia de um deslizamento apofiseal natural auto-sustentado C1-C2 (SNAG) na gestão de dor de cabeça cervicogênica.Hall T, Chan Ht, Christensen L, Odenthal B, Wells C, Robinson K.J Orthep Sports Phys. 2007 Mar; 37 (3): 100-7.
14. A influência da idade, gênero, fatores de estilo de vida e dor sub-clínica no teste de flexão cervical e gama cervical de Motion.smith K, Hall T, Robinson K.man. 2008 DEC; 13 (6): 552-9. EPUB 2007 22.pmid: 17945529
15. Classificação da dor de perna de baixa traseira – uma abordagem baseada no mecanismo patlo-mecanismo proposta.Schäfer A, Hall T, Briffa K.Man. 2009
APR; 14 (2): 222-30. Doi: 10.1016 / j.math.2007.10.003. EPUB 2007 Dec 31. Review.pmid: 18165145
16. Confiabilidade de Intertester e validade diagnóstica do teste de rotação de flexão cervical.Hall TM, Robinson KW, Fujinawa O, Akasaka K, Pyne Ea.J
Fisiol Manipulativo. 2008 maio; 31 (4): 293-300. Doi: 10.1016 / j.jmpt.2008.03.012.pmid: 18486750
17. Avaliação clínica da dor de cabeça cervicogênica: uma perspectiva clínica.Hall T, Braffa K, Hopper D.J Man Manip ther. 2008; 16 (2): 73-80.PMID:
19119390
18. A influência da gravação do tornozelo de Mulligan durante o desempenho do equilíbrio em assuntos com instabilidade crônica unilateral do tornozelo.hopper D, Samsson
K, Hulenik T, NG C, Hall T, Robinson K.Phys Ther Sport. 2009 Nov; 10 (4): 125-30. DOI: 10.1016 / j.ptsp.2009.07.005. EPUB 2009 12.Pmid:
19897165
19. Estabilidade a longo prazo e mínima alteração detectável do teste de rotação do flexão cervical. Hall T, Braffa K, Hopper D, Robinson K. J Orthop
Sports Phys. 2010 Abr; 40 (4): 225-9. DOI: 10.2519 / jospt.2010.3100. PMID: 20357415
20. Análise comparativa e precisão diagnóstica do teste de rotação de flexão cervical. Hall TM, Biffa K, Hopper D, Robinson K. J Ceadache
Dor. 2010 OCT; 11 (5): 391-7. DOI: 10.1007 / s10194-010-0222-3. EPUB 2010 28 de maio. PMID: 20508964 Artigo de PMC grátis
21. Confiabilidade do exame manual e frequência de disfunção do segmento de movimento cervical sintomático na dor de cabeça cervicogênica. Hall T,
Braffa K, Hopper D, Robinson K. Man. 2010 DEC; 15 (6): 542-6. Doi: 10.1016 / j.math.2010.06.002. EPUB 2010 Jul 6. PMID: 20609613
22. Uma análise radiográfica da influência da postura inicial do pescoço no movimento segmentar cervical na extensão de faixa final em assintomáticos e assuntos. Takasaki H, Hall T, Kaneko S, Ikemoto Y, Jull G. Man. 2011 fev; 16 (1): 74-9. Doi: 10.1016 / j.math.2010.07.005. EPub 2010 de agosto 12. PMID: 20708429
23. Cinemática normal da coluna cervical superior durante o teste de rotação de flexão – em medições in vivo usando imagens de ressonância magnética.
Takasaki H, Hall T, Oshiro S, Kaneko S, Ikemoto Y, Jull G. Man. 2011 Abr; 16 (2): 167-71. Doi: 10.1016 / j.math.2010.10.002. EPUB 2010
4 de novembro PMID: 21055995
24. A relação entre dor de cabeça e comprometimento cervicogênica determinada pelo teste de rotação de flexão. Hall TM, Biffa K, Hopper D,
Robinson KW.
25. J manipulativo fisiol. 2010 Nov-dez; 33 (9): 666-71. Doi: 10.1016 / j.jmpt.2010.09.002. EPUB 2010 Oct 8. PMID: 21109057
26. Resultados diferem entre subgrupos de pacientes com dor baixa e dor na perna após terapia manual neural: um estudo de coorte prospectivo.
Schäfer A, Hall T, Müller G, Biffa K. EUR Spine J. 2011 Mar; 20 (3): 482 -90. DOI: 10.1007 / S00586-010-1632-2. EPUB 2010 DEC 1. PMID:
21116662 Artigo de PMC grátis
27.Confiabilidade do teste sensorial quantitativo térmico da mão em uma coorte de adultos jovens e saudáveis. Moloney Na, Hall TM, O’Sullivan TC,
Doody Cm.
28. Nervo muscular. 2011 OCT; 44 (4): 547-52. DOI: 10.1002 / mus.22121. EPUB 2011 Ago 8. PMID: 21826684
29. A influência da dor nas articulações cervicais inferiores na gama de movimento e interpretação do teste de rotação de flexão. Hall T, Biffa K, Hopper D. J
Homem Manip. 2010 SEP; 18 (3): 126-31. Doi: 10.1179 / 106698110×12640740712293. PMID: 21886422
30. Acordo inter-terapeuta na classificação de pacientes com radiculopatia cervical e pacientes com dor no pescoço não específica. Tampin B, briffa
NK, Hall T, Lee G, Slater H. Man. 2012 Out; 17 (5): 445-50. DOI: 10.1016 / j.math.2012.05.001. EPUB 2012 Jun 12. PMID: 22699013
31. Um estudo piloto para investigar os efeitos de curto prazo da massagem de tecidos moles específicos no comprometimento superior do movimento cervical em pacientes com dor de cabeça cervicogênica. Hopper D, Bajaj Y, Kei Choi C, Jan O, Hall T, Robinson K, Biffa K. J Man Manip Ther. 2013 fev; 21 (1): 18-23. Doi:
10.1179 / 2042618612Y.0000000018. PMID: 24421609
32. Uso de algoritmos cinematográficos para distinguir pessoas com dor lombar não específica crônica de assintomáticos sujeitos assintomáticos: um estudo de validação.
Hidalgo B, Nielens H, Gilliaux M, Hall T, Detrembleur C. J Rehabil Med. 2014 SEP; 46 (8): 819-23. Doi: 10.2340 / 16501977-1836. PMID:
24925284
33. A eficácia da terapia manual e exercício para diferentes fases de dor nas costas não específicas: uma atualização de revisões sistemáticas. HIDALGO B,
DetreMbleur C, Hall T, Mahaudens P, Nielens H. J Man Manip ther. 2014 maio; 22 (2): 59-74. DOI: 10.1179 / 2042618613y.0000000041.
PMID: 24976749 Artigo de PMC grátis
34. A utilidade clínica da classificação da dor na dor de braço não específica. Moloney Na, Hall TM, Lever AM, Doody Cm. Homem. 2015
fev; 20 (1): 157-65. DOI: 10.1016 / j.math.2014.08.010. EPUB 2014 SEP 4. PMID: 25444375
35. Efeitos imediatos da mobilização do quadril com movimento em pacientes com osteoartrite do quadril: um ensaio controlado randomizado. Beselga C, Neto F,
Alburquerque-Sendín F, Hall T, Oliveira-Campelo N. Man. 2016 APR; 22: 80-5. Doi: 10.1016 / j.math.2015.10.007. EPUB 2015 31 de outubro.
pmid: 26559319
36. O efeito da técnica de gravação do joelho Mulligan na dor patelofemoral e da biomecânica inferior dos membros. Hickey A, Hopper D, Hall T, Selvagem
Cy. Sou j esportes med. 2016 maio; 44 (5): 1179-85. Doi: 10.1177 / 0363546516629418. EPUB 2016 22 de fevereiro. PMID: 26903215
37. Consenso Internacional sobre os testes de exame físicos mais úteis usados por fisioterapeutas para pacientes com dor de cabeça: um estudo de Delphi. Luedtke K, Boissonnault W, Caspersen N, Castien R, Chaibi A, Falla D, Fernández-de-Las-Peñas C, Haver T, Hirsvang Jr, Herre T, Hurley
D, Jull G, Krøll Ls, Madsen BK , Mallwitz J, Miller C, Schäfer B, Schöttker-Königer T, Starke W, Von Piekartz H, Watson D, Westerhuis P, Maio A. Homem. 2016 Jun; 23: 17-24. Doi: 10.1016 / j.math.2016.02.010. EPUB 2016 27 de fevereiro PMID: 27183831
38. O efeito da técnica de gravação do joelho Mulligan na dor patelofemoral e da biomecânica do membro inferior: resposta. Cy selvagem, Hickey A, Hall
T. Sou j esportes med. 2016 Ago; 44 (8): NP39-40. Doi: 10.1177 / 0363546516656176. Nenhum resumo disponível. PMID: 27481821
39. Um estudo normativo da gama cervical de medidas de movimento, incluindo o teste de rotação de flexão em crianças assintomáticas: variabilidade e provocação de dor. Budelmann K, von Piekartz H, Hall T. J Man Manip Ther. 2016 SEP; 24 (4): 185-91. Doi:
10.1179 / 2042618612Y.0000000026. PMID: 27582617 Artigo de PMC grátis
40. Um novo método de medir a mão do ombro atrás do movimento traseiro: confiabilidade, valores em pessoas sintomáticas e assintomáticas, efeito do domínio da mão, e variabilidade lateral a lado. Satpute K, Hall T, Kumar S, Deodhar A. Teoria Fisiotersa. 2016 out; 32 (7): 520-7. Doi:
10.1080 / 09593985.2016.1222041. EPUB 2016 SEP 12. PMID: 27618126
41. Os sujeitos com transtorno temporomandibular agudo / subacute têm deficiências cervicais associadas: um estudo transversal. Von Piekartz
H, Pudelko A, Danzeisen M, Hall T, Ballenberger N. Man Man. 2016 DEC; 26: 208-215. Doi: 10.1016 / j.math.2016.09.001. EPUB 2016 23 de setembro de 23.
pmid: 27744136
42. Movimento segmentar cervical induzido pelo abdução do ombro avaliado por ressonância magnética. Takasaki H, Hall T, Kaneko S, Iizawa
T, Ikemoto Y. Spine (Phila Pa 1976). 2009 Fev 1; 34 (3): E122-6. DOI: 10.1097 / brs.0b013e31818a26d9. PMID: 19179912
43. Confiabilidade, validade e exatidão diagnóstica da palpação dos nervos peroneais ciáticos, tibiais e comuns no exame de dor baixa e relacionada. Walsh J, Hall T. Man. 2009 DEC; 14 (6): 623-9. DOI: 10.1016 / j.math.2008.12.007. EPUB 2009 FEV 6. PMID: 19201249
44. A influência da tração cervical, compressão e teste de risco no tamanho do intervalo intervertebral cervical. Takasaki H, Hall T, Jull G, Kaneko S, Iizawa T, Ikemoto Y. Spine (Phila Pa 1976). 2009 Jul 15; 34 (16): 1658-62. Doi: 10.1097 / brs.0b013e3181a9c304. PMID: 19770608
45. Dor de pé dorsal bilateral em um jovem jogador de tênis gerido pelas técnicas de tratamento neurodinâmico. Nelson R, Hall T. Man. 2011
dec; 16 (6): 641-5. DOI: 10.1016 / j.math.2011.02.006. EPUB 2011 Mar 3. PMID: 21376654
46. Deformação do núcleo pulposo após a aplicação de diagnóstico e terapia mecânica: um único relatório de caixa com ressonância magnética e imaging. Takasaki H, May S, Fazey PJ, Hall T. J Man Manip ther. 2010 SEP; 18 (3): 153-8. Doi: 10.1179 / 106698110×12640740712455. PMID:
21886426
47. Efeitos imediatos e de curto prazo da mobilização de Mulligan com movimento na dor no joelho e incapacidade associadas ao joelho e à osteoartrite – uma série de casos em potencial. Takasaki H, Hall T, Jull G. Fisioters Teoria. 2013 fev; 29 (2): 87-95. Doi:
10.3109 / 09593985.2012.702854. EPUB 2012 Jul 30. PMID: 22844980
48. A terapia manual orofacial melhora o comprometimento do movimento cervical associado à dor de cabeça e das características da disfunção temporomandibular de
: um ensaio controlado randomizado. von piekartz h, hall t.man. 2013 Ago; 18 (4): 345-50. DOI: 10.1016 / j.math.2012.12.005.
EPub 2013 14 de fevereiro PMID: 23415640
49. A gama cervical superior de movimento é prejudicada em pacientes com distúrbios temporomandibulares. Grondin F, Hall T, Laurentjogo M, El La B. Cranio.
2015 Abr; 33 (2): 91-9. Doi: 10.1179 / 0886963414z.00000000053. EPUB 2014 23 de maio. PMID: 25919749
50. Eficácia da mão atrás de mobilização traseira com movimento para dor aguda do ombro e comprometimento de movimento: um ensaio controlado randomizado. Satpute Kh, Bhandari P, Hall T. J Manipulative Fisioliol. 2015 Jun; 38 (5): 324-34. Doi: 10.1016 / j.jmpt.2015.04.003. EPUB 2015 JOUL
20. PMID: 26099206
51. Efeitos de curto prazo da mobilização de Mulligan com movimento em dor, incapacidade e movimentos espinhal cinematográficos em pacientes com dor nas costas não-específicas: um ensaio randomizado com placebo. HIDALGO B, PITANCE L, HALL T, DetreMbleur C, Nielens H. J Manipulativo
Physiol. 2015 Jul-agosto; 38 (6): 365-74. Doi: 10.1016 / j.jmpt.2015.06.013. EPUB 2015 Jul 26. PMID: 26215900
52. A posição mandibular alterada e a oclusão dentária influenciam o movimento cervical superior: um estudo transversal em pessoas assintomáticas. Grondin F, Hall T, von Piekartz H. Musculoeskelet Sci Prática. 2017 fev; 27: 85-90. Doi: 10.1016 / j.math.2016.06.007. EPUB 2016 15 de junho.
pmid: 27847242
53. O efeito da perna reta de tração de Mulligan aumenta em participantes com tendências curtas. Hall T, Anuar K, Darlow B, Gurumoorthy P, Ryder
M, Smith T. Ann Acad Med Cingapura. 2003 SEP; 32 (5 SUPP): S56-7. Nenhum resumo disponível. PMID: 14968738
54. A influência do aumento do fechamento da força das articulações sacroilíacas no padrão de disparo do músculo do extensor do extensor do quadril e do lombar. Takasaki H, Iizawa T, Hall T, Nakamura T, Kaneko S. Man. 2009 out; 14 (5): 484-9. DOI: 10.1016 / j.math.2008.11.003. EPUB 2008 Dez 31. PMID: 19119054
55. Acordo e correlação entre a avaliação de Leeds de auto-relato de sintomas neuropáticos e sinais e Douleur Neuropatique 4 – Perguntas ferramentas de triagem de dor neuropática em assuntos com dor de perna baixa. Walsh J, Rabey Mi, Hall TM. J manipulative fisiol – ther. 2012 Mar-APR; 35 (3): 196-202. Doi: 10.1016 / j.jmpt.2012.02.001. EPUB 2012 Mar 6. PMID: 22397741
56. Contrato de Intertestestestista e validade de identificar padrões de movimento provocante de dor lombar usando testes ativos e passivos de movimento de movimento. HIDALGO B, HALL T, Nielens H, Detrebleur C. J Physiol Manipulative. 2014 fev; 37 (2): 105-15. Doi:
10.1016 / j.jmpt.2013.09.006. EPUB 2014 Jan 6. PMID: 24401656
57. Baixa dor nas pernas relacionadas: uma investigação de validade de construto de um novo sistema de classificação. Schäfer AG, Hall TM, Rolke R, Treerede Rd,
Lüdtke K, Mallwitz J, Braffa Kn. J Voltar Musculoskelet Rehabil. 2014; 27 (4): 409-18. DOI: 10.3233 / BMR-140461. PMID: 24614828
58. Efeitos de dois diferentes procedimentos de fita no joelho em cinemática e cinética de membros inferiores em corredores recreativos. Howe A, Campbell A, NG L,
Hall T, Hopper D. Scand J Med Sci Sports. 2015 Ago; 25 (4): 517-24. DOI: 10.1111 / sms.12269. EPUB 2014 Jul 2. PMID: 24989992
59. Mudanças no comprometimento do movimento cervical e dor após tratamento orofacial em pacientes com temporomandibular artralgico crônico – desordem com dor: uma série de casos em potencial. Grondin f, Hall T. Thysiother Teoria. 2017 Jan; 33 (1): 52-61. Doi:
10.1080 / 09593985.2016.1247934. EPUB 2016 DEC 2. PMID: 27911133
60. A mobilização dinâmica de tecidos moles aumenta a flexibilidade dos isquiotibiais em assuntos masculinos saudáveis. Hopper D, Deacon S, Jain A, Riddell D, Hall T, Briffa K. BR J Sports Med. 2005 SEP; 39 (9): 594-8; Discussão 598. PMID: 16118294
61. Acordo e correlação entre a perna reta e testes de queda em indivíduos com dor na perna. Walsh J, Hall T. J Manipulative Fisiol – Ther. 2009 Mar-APR; 32 (3): 184-92. Doi: 10.1016 / j.jmpt.2009.02.006. PMID: 19362228
62.Confiabilidade de InterRater de um novo sistema de classificação para pacientes com dor neural de baixa perna. Schäfer A, Hall TM, Lüdtke K,
Mallwitz J, Braffa NK. J homem manip ther. 2009; 17 (2): 109-17. PMID: 20046553
63. O tratamento neurodinâmico melhora a dor nas pernas, dor nas costas, função e efeito percebido global às 4 semanas em pacientes com dor nerverelated crônica e perna. Hall T, Coppieters MW, Nee R, Schäfer A, Ridehalgh C. J Fisiotermo. 2017 Jan; 63 (1): 59. Doi: 10.1016 / j.jphys.2016.09.001.Pub 2016 Nov 5. Nenhum resumo disponível. PMID: 27964965
64. Classificação da dor de perna baixa-direita: Os subgrupos diferem em incapacidade e fatores psicossociais? Walsh J, Hall T. J Man Manip Ther. 2009; 17 (2): 118-23. PMID: 20046554
65. Os perfis somatossensoriais de testes sensoriais quantitativos em pacientes com radiculopatia cervical são distintos daqueles em pacientes com dor no braço pescoço não específico. Tampin B, Slater H, Hall T, Lee G, Braffa NK. Dor. 2012 Dez; 153 (12): 2403-14. Doi: 10.1016 / j.pain.2012.08.007.
EPub 2012 11. PMID: 22980746
66. Mobilização com movimento, manipulação torácica da coluna e agulha seca para a gestão do transtorno temporomandibular: uma série de casos em perspectiva. González-Iglesias J, Clander Ja, Neto F, Hall T, Fernández-de-Las-Peñas C. Fisioters Teoria Pessoa. 2013
novembro; 29 (8): 586-95. Doi: 10.3109 / 09593985.2013.783895. EPUB 2013 de maio 20.Pmid: 23687913
67. Fenótipos sensoriais divergentes na dor no braço não específico: comparações com radiculopatia cervical. Moloney n, Hall T, Doory C. Arch Phyt Formato e Med Rehabil. 2015 fev; 96 (2): 269-75. DOI: 10.1016 / j.apmr.2014.09.015. EPUB 2014 7 de outubro PMID: 25301442
68. Respostas à estimulação mecânica do membro superior na dolorosa radiculopatia cervical. Hall T, Quintner J. Aust J Fisiotermo.
1996; 42 (4): 277-285. PMID: 11676658
69. A falsa síndrome de whiplash: um estudo psicofísico. Moog M, Quintner J, Hall T, Zusman M. EUR J Dor. 2002; 6 (4): 283-94. PMID:
12161094
70. Uma investigação de perfis somatossensoriais no trabalho relacionado com os distúrbios do membro superior: um protocolo de estudo observacional de casos. Moloney N,
Hall T, Doody C. BMC Musculoeskelet Disdension. 2010 jan 30; 11: 22. DOI: 10.1186 / 1471-2474-11-22. PMID: 20113518 Artigo de PMC grátis e 71. Confiabilidade de testes sensoriais quantitativos térmicos: uma revisão sistemática. Moloney NA, Hall TM, Doody Cm. J reabilizar res dev.
2012; 49 (2): 191-207. Análise. PMID: 22773522 Artigo livre
72. A hiperalgesia sensorial é característica da dor de braço não específica: uma comparação com radiculopatia cervical e controles sem dor. Moloney
N, Hall T, Doory C. Clin J Dor. 2013 nov; 29 (11): 948-56. Doi: 10.1097 / ajp.0b013e31827c7ae8. PMID: 23370077
73. Existe uma diferença na postura da cabeça e do movimento da coluna cervical em crianças com e sem dor de cabeça pediátrica? Budelmann K, von
Priekartz H, Hall T. EUR J Pediatr. 2013 out; 172 (10): 1349-56. DOI: 10.1007 / S00431-013-2046-Z. EPUB 2013 26 de maio. PMID: 23708260
74. Padrões de comprometimento cervical e mastigatório em subgrupos de pessoas com distúrbios temporomandibulares – uma abordagem explorativa baseada em análise fatorial. Ballenberger N, Von Piekartz H, Danzeisen M, Hall T. Cranio. 2017 Mar 20: 1-11. Doi: 10.1080 / 08869634.2017.1297904.
pmid: 28317439
75. Determinantes da aprendizagem a realizar a anestesia espinhal: um estudo piloto. Kulcsar Z, Aboulafia A, Hall T, Shorten GD. EUR j anestesiol. 2008
DEC; 25 (12): 1026-31. Doi: 10.1017 / s0265021508004535. EPUB 2008 Jun 5. PMID: 18533064
76. Reconceptualizando habilidades de terapia manual na prática contemporânea. Rabey M, Hall T, Hebron C, Palsson Ts, Christensen SW, Moloney N.
Musculoskelet Sci Pract. 2017 Jun; 29: 28-32. Doi: 10.1016 / j.msksp.2017.02.010. EPub 2017 Mar 6. PMID: 28286240
77. Adequação da nomenclatura de infarto de miocárdio anterososal avaliada pelo tardio do aprimoramento da gadolínio magnético cardiovascular e da ressonância. Alliverril j, fakhri y, engblom h, heiberg e, carlsson m, dubois-rande jl, halvorsen s, hall ts, larsen ai, jensen se,
arheden h, atar d, clemmensen p, shah dj, cheong b, Sejersten M, Birnbaum Y. J Eletrocardiol. 2017 out 6. PII: S0022-0736 (17) 30347-3.
Doi: 10.1016 / j.jelectroCard.2017.09.013. PMID: 29103621
Kenzen Formación- Tel: 936243011 – 6558136

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *